LIVRARIA

Olá Visitante, seja bem vindo!
BUSCA POR AUTOR
CATEGORIAS
PUBLIT STORE
Tempos de Poeta
Por: R$ 26,02
ISBN: 85-7493-407-0
Formato: 14x21
N° de páginas: 108


Descrição

Eu preciso escrever: Eu penso, eu sinto, Não nego, não minto: Eu preciso escrever!Talvez nestas terras Existam só guerras, Mas eu escrevo paz, Idealista demais! Sou jovem na idade, Já sinto saudade Do passado criança, Quando havia confiança. Sou velho vazio, Calculista, bem frio; Sobre amor eu escrevo, Com todo relevo. Eu preciso escrever: Eu penso, eu sinto, Não nego, não minto: Eu preciso escrever! Conheço a tristeza, Só vejo a beleza Em tudo que existe Nada eu vejo triste. Por isso a alegria Descrevo em poesia. Tambem temo a morte, E talvez seja sorte Neste mundo viver, Sobre a vida escrever, Sincera, contente, Justa, simplesmente. Eu preciso escrever: Eu penso, eu sinto, Não nego, não minto: Eu preciso escrever! Muitos, ódios sentem, Amor não consentem; Sobre amor eu escrevo, Com todo relevo. Assim eu vivo feliz, O destino assim quis. Eu sei da maldade, E escrevo saudade. Eu sei das favelas, Descrevo-as belas. Eu falo dos pobres, Descrevo-os tão nobresTalvez utopia Seja a minha poesia; Conheço o racismo, Talvez idealismo Que me faz escrever, Que me faz descrever Homens e não animais, E exclame: homens iguais! Sim, há dor na espera, O mundo está em guerra E escrevo ligeiro: O amor vem primeiro. Eu preciso escrever: Eu penso, eu sinto, Não nego, não minto: Eu preciso escrever! Não escrevo política, Mas não temo crítica; Escrevo o que penso, Talvez sem bom-senso. Escrevo o que sinto, Nesta hora não minto. Não descrevo "ismos"; Talvez, sá idealismo. Na esquerda não me meta, Sou destro na caneta; Não conclamo revolução, Escrevo de coração. Eu preciso escrever: Eu penso, eu sinto, Não nego, não minto: Eu preciso escrever! O perfume das flores, Um mundo de amores: Talvez bem ideal, Sem ser bem real. O amor, a amizade, Carinho, bondade: Talvez idealismo, Sem ser realismo. Descrevo afeição, Escrevo de coração: Talvez idealista, Sem ser realista. Eu preciso escrever: Eu penso, eu sinto, Não nego, não minto: Eu preciso escrever!


Publit nas Redes

Formas de Pagamento


Copyright © Publit Soluções Editorias